Última hora
recent

Presidente do Sporting diz que Benfica dá prendas aos árbitros

O presidente do Sporting acusou esta madrugada o Benfica de dar prendas e jantares de valor excessivo aos árbitros, observadores e delgados da Liga. Bruno de Carvalho chega mesmo a falar em valores que rondam os 250 mil euros por época.

Fotografia de Bruno de Carvalho - Presidente do Sporting
A denúncia foi feita na noite passada, no "Prolongamento", da TVI24, num programa em que teve a oposição do benfiquista Pedro Guerra. "É entregue esta prenda (caixa Eusébio, com camisola e convite para jantares), aos quatro árbitros do jogo, dois delegados e um observador. Dá 28 jantares por jogo, tanto na equipa A como equipa B. Só em jantares, por ano, deve rondar 140 mil euros. E com prendas, tudo deve rondar um quarto de milhão de euros. Disseram-me que tudo isto é entregue aos árbitros e a Federação e Liga é que devem achar se isto é bonito", disse o presidente sportinguista, admitindo que em Alvalade, em vez de prendas, há uma outra camisolita "quando nos pedem" e que "nos balneários dos árbitros deixamos-lhes comida e vai lá o fisioterapeuta ver se estão bem".

Bruno de Carvalho disse ainda que o clube da Luz está por trás das recentes revelações de documentos de transferências e contratos de futebol, na maior parte dos casos do Sporting e do Porto, e pediu uma investigação urgente.

Neste programa, Bruno de Carvalho voltou também a dizer que está certo que o Sporting tem razão no caso Doyen e que isso será provado em tribunal. O presidente do clube de Alvalade ainda acrescentou que perto de 90% dos árbitros estão de acordo com a introdução de novas tecnologias, como por exemplo o vídeo-árbitro. Fonte: DNOTICIAS.

Blogs Portugal

Com tecnologia do Blogger.