Última hora
recent

Incêndios: S. Pedro do Sul continua a ser o que mais preocupa

O incêndio que está a lavrar em S. Pedro do Sul, distrito de Viseu, e o incêndio em Celourico da Beira, na Guarda, são nesta altura os que mais preocupam a Autoridade Nacional de Proteção Civl.
incêndio em São Pedro do Sul
Incêndio em São Pedro do Sul. Nuno André Ferreira/Lusa


O incêndio em São Pedro no Sul é aquele que, de acordo com a página da Proteção Civil, mobiliza mais meios no terreno. Às 20:20, o incêndio envolvia 983 operacionais, apoiados por 297 meios terrestres e 11 meios aéreos.
O incêndio, que já dura há uma semana, mantém três frentes ativas. Começou em Arouca mas rapidamente se estendeu ao concelho vizinho. Chegou a ser considerado dominado no início da noite de sexta-feira, mas voltou a estar ativo.

Aliás, em São Pedro do Sul, as chamas não estão a dar descanso. Várias casas já arderam e pelo menos 12 pessoas ficaram desalojadas. Há ainda várias aldeias em risco.

O incêndio que afeta o concelho de Celourico da Beira, distrito da Guarda, mobilizava, às 20:20, 86 operacionais apoiados por 25 meios terrestres e um meio aéreo.

No Porto, já foi desativado o Plano Distrital de Emergência (PDE), que tinha sido acionado há uma semana.

Este domingo ficou ainda marcado pela avaria de dois aviões que combatiam os incêndios. Por volta das 13:00, um dos aviões russos que chegaram no sábado a Portugal e o Canadair marroquinos tiveram avarias quase em simultâneo deixando de estar operacionais.

Durante a manhã, os dois aviões russos tinham estado a combater fogos em Penha do Gerês, no Parque Nacional da Peneda-Gerês.

A ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, falou hoje da necessidade de, resolvida a situação, ser feita uma análise daquilo que correu melhor e pior no combate aos incêndios. Fonte: tvi24.
.

Blogs Portugal

Com tecnologia do Blogger.